domingo, março 08, 2009

BUSCA IMPLACÁVEL (Taken) de Pierre Morel

Sinopse: O que seria pior para um pai do que estar ao telefone, a milhares de quilómetros de distância, enquanto a sua filha está a ser raptada do outro lado da linha? Este é o pesadelo que se torna realidade para Bryan, um ex-agente secreto, que tem poucas horas para resgatar Kim de um terrível gang especializado em tráfico de jovens mulheres. O primeiro problema que Bryan tem de resolver é que ele está em Los Angeles e Kim foi raptada em Paris...

3 comentários:

Anónimo disse...

De cortar a respiração, uma fantástica surpresa. - SYLAR

Anónimo disse...

"Busca Implacável" é a prova viva que os bons thrillers de acção estão vivos e recomendam-se. Apesar do seu argumento simples e de uma premissa muito interessante (um pai que está a falar ao telefone enquanto a sua filha é raptada), trata-se de um filme com uma intensidade e um ritmo absolutamente avassaladores. É perfeito na descarga de adrenalina que consegue causar no espectador, muito devido a grande cenas de perseguições e lutas corpo a corpo. O próprio tema mexe muito com o espectador até porque é algo actual e o facto de se passar em Paris, de certa forma aproxima o público ao drama vivido pelos personagens. No capítulo das interpretações temos Liam Neeson fantástico muito bem dirigido num filme com uma realização soberba de Pierre Morel. Pode existir a tentação de dizer, que é apenas mais um filme de acção, mas se assim for, que pelo menos todos os filmes dentro do género apresentem o virtuosismo que este evidencia.

O MELHOR: Liam Neeson, intensidade e ritmo avassaladores. Um excelente thriller de acção. - ANDRÉ SANTOS

geocrusoe disse...

um filme onde o herói é capaz de eliminar dezenas de adversários e sair praticamente incólome... um thriller que nos faz esticar na cadeira nalguns momentos de suspense ou de violência, mas onde o amor paternal é a proncipal reserva de forças para enfrentar tudo. Tirando este aspecto é um tipo de james bond menos apetrechado com tecnologias de ponta e torna-se num simples filme de acção bem interpretado pelo seu protagonista.